O Rio também é Literatura!

O Rio é muito conhecido por suas belíssimas praias e pelas noites de boemia, os bares maravilhosos e a rica vida artística cultural. Mas, dentre tantas opções, é fácil esquecer que o Rio também é Literatura.

Como a cidade do Rio de Janeiro foi a capital do Brasil, de 1763 até 1961 (quase dois séculos), ela acabou reunindo muitos dos nossos maiores escritores, como, por exemplo, Machado de Assis, Lima Barreto, José de Alencar, entre outros.

Instituições literárias que ficam no Rio...

Machado de Assis fundou, em 1897, a Academia Brasileira de Letras (confira o site da ABL, clicando aqui). A instituição existe até hoje e se dedica, entre outras atividades, à edição de obras de grande valor histórico e literário e atribui diversos prêmios literários. A ABL se localiza fisicamente na Avenida Presidente Wilson, 203 – Castelo. Para quem não pode ir fisicamente até lá, a ABL digitalizou seu acervo literário. É possível consulta-lo gratuitamente clicando em Acervo no site.

Fachada da Academia Brasileira de Letras (ABL).

Entre as escritoras atuais da ABL, estão Rosiska Darcy de Oliveira (clique aqui para saber o que já foi lido no nosso blog), Nélida Piñon (clique aqui para saber o que já foi lido no blog Literatura Brasileira) e Ana Maria Machado (clique aqui para saber o que já foi lido no nosso blog).

Interior do Real Gabinete Português de Leitura.

Inicialmente a ABL não tinha sede e fazia suas reuniões no Real Gabinete Português de Leitura (Rua Camões, 30 – Centro). Essa instituição foi fundada em 1837 por quarenta e três imigrantes portugueses. Trata-se de uma biblioteca pública. O Real Gabinete Português de Leitura foi considerado, em 2014, pela revista inglesa Time, uma das 20 bibliotecas mais bonitas do mundo. Vale uma visita quando você, amante de livros, estiver visitando o Rio. Confira o link para o site do Real Gabinete Português de Leitura aqui. Do lado, você também vai encontrar um ótimo sebo. Recomendo, particularmente, o Letra Viva, que também trabalha com obras de arte, discos de vinil, quadrinhos, entre outras coisas.

Edifício da Biblioteca Nacional do Brasil.

No Rio, também fica localizado a Biblioteca Nacional. Ela é depositária do patrimônio documental brasileiro. Isto é, ela conta com uma coleção de mais de 8 milhões de peças, que teve início com a chegada da Família Real Portuguesa em 1808, e a coleção vem crescendo por meio de doações, aquisições e depósitos legais. A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) considera-a a sétima maior biblioteca nacional do mundo e a maior da América Latina. Além disso, a Biblioteca Nacional é um edifício belíssimo de arquitetura única. Vale a pena conhecê-la (Avenida Rio Branco, 219 – Centro). Mais informações pelo site, clicando aqui

A Biblioteca Nacional também lança mensalmente a sua revista de História. Uma leitura de qualidade para quem quer saber mais sobre História, saiba mais acessando o site aqui. A revista é vendida em bancas por todo o Brasil.




Eventos literários que acontecem no Rio...

A Bienal Internacional do Livro, maior feira literária da América Latina, acontece alternadamente nas cidades de Rio de Janeiro e São Paulo. Em 2017, a Bienal ocorrerá no Rio.

Um evento menos conhecido nacionalmente, mas também importante, é a Primavera Literária. É promovida pela Liga Brasileira de Editoras. Este ano aconteceu no Rio de 17 a 20 de novembro.

Escritores homenageados na Praia de Copacabana...

Além da famosa estatua do poeta mineiro, Carlos Drummond de Andrade, a praia de Copacabana agora conta com a estátua da escritora Clarisse Lispector. Curiosamente, nenhum dos dois autores se tornou um imortal da Academia Brasileira de Letras. Talvez para compensar o erro, eles foram imortalizados pelo povo carioca na belíssima praia de Copacabana.

Finalizamos este post com um trecho de Carlos Drummond de Andrade,que amava profundamente o Rio:

“Doze meses dão para qualquer ser humano
se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez
com outro número e outra vontade de acreditar
que daqui para adiante vai ser diferente...”

Muito obrigada a todos vocês que nos seguem. Por favor, fiquem à vontade para deixar seu comentário, dúvida, crítica ou sugestão. Se você gostou, por favor, curta, compartilhe e/ou curta nossa página no Facebook e ajude a divulgar o nosso trabalho. 

Boas Leituras e Boa Semana!

Comentários

POSTS MAIS LIDOS

Psicologia Feminina: A Necessidade Neurótica de Amor

A Personalidade Neurótica de Nosso Tempo - Karen Horney

Éramos Seis, Irene Ravache, Moçambique e Angola

O Caminho dos Justos – Moshe Chaim Luzzatto

A SIMETRIA OCULTA DO AMOR - BERT HELLINGER

Daniela e os Invasores - Dinah Silveira de Queiroz

"Sei que muitas vezes eu mesmo fui um obstáculo no meu caminho, mas isso acabou"

Diamante banhado em sangue, a história do Estrela do Sul

Como acabei perdendo meu coração - Doris Lessing (Nobel de Literatura em 2007)