Lendo a Bíblia com ateus - Parte II

Os livros do Antigo Testamento são classificados em quatro grupos:

oPentateuco: Gênesis, Êxodo, Levítico, Número e Deuteronômio;

oHistóricos: Josué, Juízes, Rute, 1 e 2 Samuel, 1 e 2 Reis, 1 e 2 Crônicas, Esdras, Neemias e Esther;

oPoéticos: Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes, Cantares de Salomão;

oProféticos: subdividido em dois. Profetas Maiores: Isaías, Jeremias, Lamentações, Ezequiel e Daniel. Profetas Menores: Oséias, Joel, Amós, Obadias, Jonas, Miquéias, Naum, Habacuque, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias.

Pentateuco


A tradição atribui a autoria do Pentateuco a Moisés. Recomendo a leitura dos cinco livros. Mas, com certeza, Gênesis e Êxodo devem ser priorizados. Os demais tratam principalmente de leis, costumes e sistemas de organização. Sua leitura pode ser muito enfadonha para um leitor pouco interessado.

Gênesis – No princípio

O Livro de Bereshit (בְּרֵאשִׁית) é o nome hebraico do livro de Gênesis. No texto original, a primeira palavra é Bereshit (originária da Língua Acádia). Ela é comumente traduzida como No princípio na frase:

No princípio, criou Deus os céus e a terra. (Gênesis 1:1)
Primeiro verso do Gênesis em hebraico. Lê-se da esquerda para direita. Bereshit está marcado em vermelho.
Mas Bereshit é uma palavra intraduzível para outra língua. O que eu entendo do seu significado é “um tempo sem princípio nem fim” ou “no eterno Agora”. Deus está criando os céus e a terra eternamente.

“E Jesus respondeu, e disse-lhe: Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também.”. (João 5:17)

Provavelmente quando Jesus diz esta frase, ele está se referindo ao Bereshit. Cabe dizer que essa fala de Jesus só existe no livro de João, o qual também é o único Evangelho que começa narrando a Criação do mundo.
No texto original, o Gênesis tem estrutura poética. Todos os versos têm 14 sílabas e são rimados. Possivelmente pontos que são obscuros para o leitor moderno se devem ao fato de que o autor, no original, queria manter as rimas.
O Gênesis é um livro belíssimo. Talvez seja o mais belo da Bíblia inteira. Ele narra, entre outros fatos, a Criação, a descendência de Adão, o Dilúvio, a Torre de Babel, a história de Abrãao e sua descendência até José do Egito e a ida do povo judeu para este país.

Êxodo

Os judeus foram em algumas famílias para o Egito e se tornaram milhões de pessoas em poucos séculos. Muitos atritos comerciais começaram a surgir. O Êxodo narra a fuga desses milhões de pessoas do Egito, liderados por Moisés. Esse fato já foi (indevidamente) explorado pelo cinema e pela televisão e é mais ou menos conhecido pelas pessoas.
Algumas curiosidades é que o início do atrito com os egípcios gira em torno de material compósito. Compósitos são materiais misturados, como a fibra de carbono dos carros de fórmula um. Os judeus eram essencialmente fabricantes de tijolos e detinham a tecnologia de fabricar tijolos mais resistentes misturando material cerâmico com fibras vegetais. A primeira perseguição egípcias é a proibição da compra dessa fibra (Êxodo 5:7-8).
Outro fato relevante é que Moisés é associado à travessia do Mar Vermelho. Na verdade, o texto original fala que Moisés atravessou o Mar de Juncos [1](que era um pântano) e não o Mar Vermelho. Essa interpretação é reforçada pela Bíblia de Jerusalém em que um dos Salmos agradece a Deus por tê-los ajudado a atravessar o Mar de Juncos. Todas as pragas e essa seca do pântano são tecnicamente explicadas por uma erupção vulcânica na Sicília, que aconteceu no mesmo período [2,3] .

Na minha visão, isso não exclui o milagre. Moisés, o maior líder que já existiu,. Ele tirou mais de dois milhões de pessoas do Egito em menos de 24 horas, numa época que não existiam veículos motorizados ou meios de comunicação como celulares e internet. Quer um desafio? Tenta tirar dois milhões e meio de pessoas hoje da cidade de São Paulo  hoje (para ir para um lugar totalmente incerto, para a "Terra que ninguém prometeu", como alude Renato Russo) em menos de 24 horas ? Missão impossível.
O Êxodo é um tratado sobre liderança, organização e gestão de pessoas com eficiência. Tudo bem que Moisés teve uma sorte imensa (ou talvez Deus fez um milagre) por acontecer um terremoto que afetara as condições climáticas egípcias exatamente quando ele precisava. Mas isso não diminui os méritos de  seu caráter e sua capacidade.

Livros Relacionados

A partir da história de Noé e do Dilúvio é possível traçar um paralelo com um dos livros mais antigos que a humanidade tem conhecimento. Ele foi escrito na Suméria 2700 anos antes de Cristo e se chama se A Epopeia de Gilgamesh (aliás, os sumérios inventaram a escrita).


Um dos livros mais antigos da humanidade que também narra a história de Noé e do Dilúvio.

Gilgamesh é um herói que busca a imortalidade. E ele sai pelo mundo a fora na sua busca. Até que ele encontra um homem que salvou a humanidade de um Dilúvio. Sim, isso mesmo, Gilgamesh encontra Noé! Esse é apenas um exemplo da influência da cultura de outros povos. 

 Espero que vocês tenham gostado do texto de hoje. 
Até nosso próximo encontro!

[1] http://www.abiblia.org/ver.php?id=7392
[2] http://noticias.gospelmais.com.br/erupcao-vulcanica-ativou-a-separacao-biblica-do-mar-vermelho.html
[3] http://www.respondi.com.br/2008/05/os-hebreus-atravessaram-mesmo-o-mar.html

Comentários

POSTS MAIS LIDOS

Psicologia Feminina: A Necessidade Neurótica de Amor

A Personalidade Neurótica de Nosso Tempo - Karen Horney

Éramos Seis, Irene Ravache, Moçambique e Angola

O Caminho dos Justos – Moshe Chaim Luzzatto

A SIMETRIA OCULTA DO AMOR - BERT HELLINGER

Daniela e os Invasores - Dinah Silveira de Queiroz

"Sei que muitas vezes eu mesmo fui um obstáculo no meu caminho, mas isso acabou"

Diamante banhado em sangue, a história do Estrela do Sul

Como acabei perdendo meu coração - Doris Lessing (Nobel de Literatura em 2007)